sábado, 17 de janeiro de 2015

Resenha - A menina que roubava livros - Markus Zusak


"Quando a morte conta uma historia, você deve parar para ouvir"

        Foi essa frase, que no primeiro momento me fez ler o livro.

        A menina que roubava livros conta a história de Liesel Meminger uma criança alemã, que começa uma viagem de trem com sua mãe e irmão. A mãe comunista, perseguida pelo nazismo, envia Liesel e o irmão para o subúrbio pobre da cidade alemã, onde um casal se dispõe a adotá-los por dinheiro. O garoto morre no trajeto e é enterrado por um coveiro que deixa cair um livro na neve, o manual do coveiro, que é rapidamente roubado por Liesel.
        É o primeiro de uma série que a menina vai surrupiar ao longo dos anos. O único vínculo com a família é esta obra, que ela ainda não sabe ler.
Assombrada por pesadelos, ela compensa o medo e a solidão das noites com a conivência do pai adotivo, Hans, um pintor de parede bonachão que lhe dá lições de leitura.    Afabetizada sob vistas grossas da madrasta, Rosa Hubermann, Liesel tem urgências para a literatura. Em tempos de livros incendiados, ela os furta, ou os lê na biblioteca do prefeito da cidade.
        A vida ao redor de Liesel é a pseudo-realidade criada em torno do culto a Hitler na Segunda Guerra. Ela assiste à eufórica celebração do aniversário do Führer pela vizinhança. Teme a dona da loja da esquina, colaboradora do Terceiro Reich. Faz amizade com um garoto obrigado a integrar a Juventude Hitlerista. E ajuda o pai a esconder no porão um judeu que escreve livros artesanais para contar a sua parte naquela História. A Morte, perplexa diante da violência humana, dá um tom leve e divertido à narrativa deste duro confronto entre a infância perdida e a crueldade do mundo adulto.
        A leitura não é muito facil, afinal estamos falando de um livro que se passa na Segunda Guerra Mundial e tem Hitler como plano e fundo da história. Porém. o livro em si é muito cativante, conta momentos delicados e muito emocionantes do que pode acontece com uma criança na época da segunda guerra mundial, embora a trajetória de Liesel Meminger no começo do livro seja um tanto mórbida.


Boa Leitura ;)

8 comentários:

  1. Adorei a sua resenha :D

    Adorei o seu blog e já estou a seguir :)

    beijos,
    Daniela RC
    Blog: Doce Sonhadora

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Daniela, vou dar uma olhadinha no seu ;)

      Bjos

      Excluir
  2. Olá!
    Eu não consigo terminar de ler esse livro, todos falam bem dele, mais eu não consigo! rs rs rs. Adorei a resenha, Abraços! Estou seguindo o blog!
    http://livrosesugestoes.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi,

      Então, as 150 primeiras paginas é bem cansativo...eu também achei que não iria consegui teminar, mas depois começa a melhorar e torna-se sensacional.

      Obrigado,

      Excluir
  3. Livro emocionante! Eu adorei ♥

    Beijos ♥
    http://leitoresesuasmanias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Adorei a resenha.
    Beijos
    gabipiazza.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. já li este livro e assisti o filme tbm..simplismente adoro!! super recomendo!!

    http://biancasantoro.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  6. Sempre quis ler esse livro e agora fiquei com ainda mais vontade!

    Vim te avisar que te indiquei na TAG Liebister Awards. Vem ver como ficou?

    https://kaytearaujo.wordpress.com/2015/01/24/tag-premio-liebster/

    Me mande também o seu link para eu ver sua resposta, ok?

    Beijos!

    ResponderExcluir